[FP] Syddle Bolter, Alascie Garden

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Syddle Bolter, Alascie Garden

Mensagem por Alascie G. Syddle Bolter em Seg Jun 02, 2014 5:02 pm

Alascie
Syddle Bolter
Nascimento:
{22/04/1995}
Idade:
25 anos
Residência:
INDEFINIDO
Sangue:
Puro
Grupo:
Irmandade das Trevas


DESCRIÇÃO FÍSICA
Quem tem grandes olhos? Quem tem? Quem tem? É Alascie. Seus cabelos são tão bipolares como a dona, hora cacheados, hora longos e lisos como se fossem assim naturalmente, mas sempre castanhos, cor de chocolate pra combinar com seus olhos grandes e sempre curiosos. Bochechas pálidas, olhar mortal e boca mediana, bem que Alascie quera que fosse um pouco maior, mais nada, só uma pitadinha, queixo fino e com um "buraco" que seu pai amarava ficar pegando no pé da menina, agora mulher. Ombros estreitos e peitos medianos, mas de acordo com Faith dependendo do vestido Alascie fica "peituda", com uma cintura fina, como a das modelos das passarelas trouxas, a moça é realmente bonita, alguns dizem o que Alascie tem de bonita ela tem de sabichona e arrogante, já que opiniões alheias pouco importam a ela, ainda mais sobre aparência, nem precisa já que a mulher está sempre muito elegante e bonita. De pernas e braços longos e forte, seu corpo esbelto vem decorrente a anos praticando Quadribol, desde antes de pertencer a Haus Feuer em Durmstrang, esporte pelo qual se viu obcecada durante um período de sua vida. Tem uma cicatriz no calcanhar direito, devido a um incidente em uma partida pela copa das casas de Quadribol quando tinha 17 anos anos. Tem uma tatuagem em forma de símbolo do infinito atrás da orelha esquerda.


DESCRIÇÃO PSICOLÓGICA
Alascie não é uma pessoa fácil, de fato ela é um tanto impaciente e até mesmo raivosa, um dos defeitos que ela tem é a falta de atenção, Alascie se distrai muito facilmente, mas não a culpe por favor, Alascie sofre de déficit de atenção, ela não consegue se entreter com uma coisa por muito tempo, as vezes isso a deixa em suma muito irritada, pois alguns pensam que ela faz isso por que quer. Dotada de um inteligência acima da média ela pensa muito rápido, isso faz com que ela as vezes pareça sabe tudo, que quer aparecer, mas o mundo sempre parece estar lento demais pra ela, ela parece estar em uma velocidade muito superior, sempre a 100 por hora, enquanto as pessoas comuns estão só a 10. Não gosta de ser contrariada e as vezes apela pra agressão, é uma pessoa muito fechada e até mesmo anti social, poucos são os que conseguem lidar com seu temperamento.



HISTÓRIA
Alascie nasceu e cresceu longe da família Bolter, ela tinha apenas seu pai, sua mãe louca e ela, já era certo que a menina também seria louca, mas em vez de tentar amenizar isso e afastá-la da mulher que aos poucos pendia para a insanidade o pai de Alascie resolveu juntá-las, isso na esperança de que Greta pudesse melhorar um pouco, em vão, já que ela aos poucos estava indo em busca da morte por mais que Domênico soubesse disso ele se recusou a acreditar que a mulher de sua vida estava perdida, morta, dentro de uma pior e que representava perigo a todos, principalmente a ele e sua família. Alascie era pequena e franzida, ela era magrinha que se o vento batesse mais forte dela poderia derrubá-la, estava sempre aninhada em um canto, calada, quieta, uma garota séria, não pronunciou uma palavra se quer até os seis anos de idade, quando quase cuspiu duas palavras no pai " Sangue-Ruim ", naquele dia Domênico percebeu que mesmo que educasse a filha para não ser preconceituosa com aqueles que não tinham o sangue puro não iria adiantar, Alascie teria gosto em rebaixá-los, se vi em seus olhos castanhos. Domênico se mudou com a filha, eles viviam aninhados em um casebre a beira de uma floresta do leste da Suécia, pensaram em seu juntar a família, mas ele tinha receio do que eles poderia achar da filha que tinha hábitos estranhos como comer carne crua, ela dizia que seu cozimento queimava-lhe a língua e que a dignidade do animal por sua morte se perdida, Domênico só começou a temer Alascie mais ainda depois desses comportamentos, a menina dizia que o amava, mas era algo que ele duvidava um bicado.

Para tentar afastá-la desse mundo sombrio em que naturalmente ela estava se afundando ele a presenteou com uma vassoura, e tentou ensiná-la sobre o Quadribol, como Alascie era rápida, aquele esporte virou sua paixão, Domênico notou que ela teria um futuro promissor como apanhadora, ela conseguia ser bem rápida, praticava bastante por certo tempo Domênico viu a filha se afastar dos costumes estranhos que praticava na infância. A carta de Durmstrang chegou e como a menina se viu feliz, mas feliz de verdade uma das poucas vezes em que ele viu sua Alascie sorrir de verdade, ela estava mais do que animada para poder ter um estudo de verdade, já estava ficando difícil contê-la dentro de casa

Durante os tempos de escola ela pode ser considerada uma aluna "impossível" ela estava sempre a frente das pessoas e gostava de se gabar sobre isso, recusou ser monitora, pois achou que deveria passar uma imagem para as pessoas sobre ela, o tipo de imagem que ela não queria e nem ira passar, o de boa menina, um exemplo a ser seguido e compartilhado, ela tinha um spírito livre, uma maldade o olhar, jamais conseguiria ser assim, tão perfeitinha como queriam que ela fosse. O amor pelo Quadribol só aumentou durante os tempos de Durms, mas ela era um tanto imprudente, as vezes se focava mais em derrubar os adversários do que em pegar o pomo de ouro, já que ela era apanhadora, isso levou Haus Feuer a perder uma copa de Quadribol, mas ela se vingou no seu último ano pegando o maldito pomo em todos os jogos que participou, era uma tarefa mais difícil para ela, já que se focar apenas no pomo do que em outras coisas se tornou algo que ela se focou a fazer, mesmo que seu déficit de atenção dissesse o contrário.

Quando ela se formou resolveu se dedicar a outra coisa em sua vida, o aprendizado mais aprofundado em feitiços, ela não via mais o pai, na verdade não via quase ninguém da família, não que eles estivesse fugindo dela, mas ela não se sentia confortável entre meio a seus semelhantes de sangue. Os semestres que passou na Faculdade de Magia Phoenix marcaram sua vida, foi quando se envolveu com as artes das trevas e pelas quais se viu completamente apaixonada. Quando se formou passou a ser procurada logo pelo Ministério, seu nome estava quase sempre associado a assassinatos e coisas do tipo, a garota se tornara uma fugitiva perfeita. Juntando-se a Irmandade das Trevas ela atingiu o "título" de Comensal, do qual pareceu tomar um certo gosto e onde permanece até hoje. As vezes é vista perambulando pela Europa, pouco fala com os parentes.


Informações Gerais

# Nome Completo: Alascie Viktorie Garden Syddle Bolter
# Apelidos: Não possui apelidos.
# Título: Irmandade das Trevas
# Nacionalidade: Bulgária
# Idioma(s) Falados: Búlgaro, Russo, Espanhol e Francês
# Idade: 25 anos
# Orientação Sexual: Heterossexual
# Estado Civil: Solteira
# Raça: Bruxo
# Família: Syddle Bolter
# Grupo: Irmandade das Trevas
# Casa: Haus Feuer
# Fraternidade: Morholt
# Curso: Especialista em Feitiços
# Emprego: Ex-Monitora de Morholt
# Patrono: Jaguar
# Bicho-Papão: A própria mãe
# Espelho Ojesed: Está em pé sob uma pilha de corpos
# Photoplayer: Nina Dobrev


Atributos
Não jogarei Quadribol


avatar
Alascie G. Syddle Bolter
Membro da Irmandade das Trevas
Membro da Irmandade das Trevas

Número de Posts : 2

Ficha do Bruxo
Grupo: Irmandade das Trevas
Curso: Especialista em Feitiços
Período: Concluído

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Syddle Bolter, Alascie Garden

Mensagem por The Player em Ter Jun 03, 2014 10:38 pm








avatar
The Player
Narrador
Narrador

Número de Posts : 335

Ficha do Bruxo
Grupo: Narradores
Curso: Nenhum
Período: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum