[FP] O'Nowak, Anna Schvenzel

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] O'Nowak, Anna Schvenzel

Mensagem por Anna Schvenzel O'Nowak em Sab Maio 31, 2014 4:13 pm

Anna
Schvenzel O'Nowak
Nascimento:
{05/03/2002}
Idade:
{18 anos}
Residência:
{Londres, UK}
Sangue:
{Puro}
Grupo:
{Morholt}


DESCRIÇÃO FÍSICA
Uma princesinha. Seus cabelos sempre estão arrumados em um penteado diferente a cada dia. Não que ela seja vaidosa, porque até mesmo sem maquiagem, Anna fica espetacular. Muitos atribuem isso a sua beleza natural, mas a verdade é que há um quê de sangue de veela em sua família. Anna não possui o dom, mas sim a beleza.

Olhos escuros, cabelo claro, nariz arrebitado e um sorriso encantador que poucas vezes é mostrado. Não que Anna seja séria a maioria do tempo, mas sua mente é cruel, e, quando ela quer sorrir, sorri com os olhos. É uma habilidade sua pouco mostrada, como se seus olhos brilhassem encantadoramente toda vez que gosta de alguma coisa.


DESCRIÇÃO PSICOLÓGICA
Cruel. Encantadoramente cruel. Tem dois lados da moeda na cabeça de Anna e por muitas vezes ela se deixa levar pelo mal comportamento. Embora seja um pouco esquentada, tem uma paciência mínima, mas é muito inteligente. Seu QI foi avaliado em 148, o que a dá boas chances de conseguir fazer qualquer coisa que queira.

Ela sabe ser explosiva quando precisa. Sabe ser paciente quando precisa. Sabe ser boa quando precisa. Anna é mercenária com seus próprios pensamentos e sabe que, de sua boca, apenas palavras sábias devem ser pronunciadas. É por esse motivo que ela demora tanto para responder as pessoas. Porque pensa. Pensa e surpreende, quando fala, se fala.



HISTÓRIA
Uma noite fria de tempestade quente. Era como a mãe de Anna costumava chamar o dia de seu nascimento. Embora nascida na primavera, Anna nunca foi uma criança muito primaveril, e preferia o inverno a qualquer custo. Isso se refletiu em sua personalidade gelada e negra, de modo que os pais pensassem em algum tipo de doença dissociativa. Mas não. Ela só era diferente, e isso se tornou claro anos depois, com a entrada da menina para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.

Alguma dúvida de que iria para a Sonserina? Algo dizia a ela que sim. Embora nascida de pais puramente ravinos, a garota não se encaixava na personalidade dos pais e logo fora para outro caminho. Isso não significa que ela renegava as raízes de sua família, Anna era muito metódica em fazer suas escolhas. Pensava em todos os ipos de consequências que iria sofrer em cada tipo de escolha. Apesar de ter uma cabeça explosiva e bagunçada, sempre soube como fazer as escolhas certas e as erradas para obter experiências, e, naquele momento, sabia que a Sonserina era a escolha certa. Sim, ela escolhera. Era como um tipo de teste onde sua cabeça iria brigar pelos conceitos familiares, mas um pouco de egoísmo bastava para Anna saber onde realmente pertencia.

Muitas vezes sofreu detenções. Muitas vezes fora castigada. E tudo por causa dessa briga de personalidades em sua cabeça. Anna sempre detestou isso, porque era como se não soubesse controlar o próprio cérebro, como se ele tivesse vida própria. Isso posteriormente se tornou um problema, já que não conseguia mais saber para qual lado seguir, o bem ou o mal. E o medo de desapontar a família e a si própria. A coisa tomou tantas proporções que Anna fora encaminhada para um psicólogo, e acabou descobrindo ter um tipo raro de depressão: Distimia é um tipo de depressão crônica, de moderada intensidade. Diferentemente da depressão que se instala de repente, a distimia não tem essa marca brusca de ruptura. O mau humor é constante. Os portadores do transtorno são pessoas de difícil relacionamento, com baixa auto-estima e elevado senso de autocrítica. Estão sempre irritados, reclamando de tudo e só enxergam o lado negativo das coisas. Na maior parte das vezes, tudo fica por conta de sua personalidade e temperamento complicado.

Nada que não possa ser tratado com feitiços e medicamentos controlados. Anna não ia deixar a Distimia impedir sua relação com os pais e a vida acadêmica, de modo que começou a fazer um tipo de tratamento inusitado: ela iria sempre a um viveiro de animais mágicos e mantinha contato com as criaturas, a única coisa que conseguia controlar o mau humor crônico e a deixar mais calma para seguir com sua vida.

O que ajudou, quando a garota, com dezessete anos de idade, se formou em Hogwarts, já sabia qual era o seu destino. Por conta do QI elevadíssimo, que ultrapassava as expectativas de todos os que a conheciam, Anna tivera seu passe livre para ingressar na faculdade de Phoenix, num curso que tinha tudo a ver com ela: sobre Criaturas Mágicas, é claro. Agora é uma garota medicada, estudada e universitária. Como se isso fosse a coisa mais normal do mundo.

O curso também a surpreendeu. Não pela facilidade de encaixar sua inteligência ali, mas pelo amor que sabia que iria desenvolver. Anna dava tudo para a faculdade. É como o "foco, força e fé" dos trouxas, mas de um jeito muito mais suado. Tudo isso porque ali encontrou um lugar de paz, como se sua cabeça não fosse explodir a qualquer momento. Ela era séria, dedicada e entusiasmada com toda e qualquer coisa. Tinha amigos, conhecidos e até mesmo alguns inimigos ali, o que a rendeu uma reputação não muito boa com a questão de simpatia. E a fraternidade para qual foi, Morholt, era, em si, seu ponto de encontro com tudo o que há de ruim nela. Como se pudesse controlar a parte do seu cérebro onde a Distimia se desenvolvia.

E, por fim, por conta de notas impecáveis na faculdade e por conta de uma inteligência e dedicação avassaladoras, Anna conseguiu o feito de ser indicada à monitoria de Morholt. O que fora muito difícil de aceitar, porque não tinha aprendido nada disso em Hogwarts, então será um desafio a ela. Mas digamos que alguém que consegue ser cruel, impecável e misteriosa ao mesmo tempo não tem problemas em comandar um bando de perversos.

E assim seja.


Informações Gerais

# Nome completo: Anna Mycerlla Schvenzel O'Nowak
# Apelidos: Não possui nenhum, embora goste de ser chamada de Aninha.
# Título: Morholt
# Nacionalidade: Inglesa
# Idioma(s) Falados: Inglês, francês e alemão.
# Idade: 18 anos
# Orientação Sexual: Heterossexual
# Estado Civil: Solteira
# Raça: Bruxa
# Família: Schvenzel O'Nowak
# Grupo: Morholt, Primeiro Período
# Casa: Sonserina
# Fraternidade: Morholt
# Curso: Controle e Criação de Criaturas Mágicas
# Emprego: Apenas estudante.
#Patrono: Corvo
#Bicho-Papão: Tripofobia
#Espelho Ojesed: Se ver curada e segurando um distintivo de monitora. rs
#Photoplayer: Emma Watson


Atributos
Não deseja jogar Quadribol.


avatar
Anna Schvenzel O'Nowak
Monitor da Morholt
Monitor da Morholt

Número de Posts : 16
Sexo : Feminino
Idade do Personagem : 21
Ocupação Atual : Estudante de CCCM e Monitora de Morholt

Ficha do Bruxo
Grupo: Morholt
Curso: Controle e Criação de Criaturas Mágicas
Período: 1° Período

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] O'Nowak, Anna Schvenzel

Mensagem por The Phoenix College em Sab Maio 31, 2014 4:25 pm





avatar
The Phoenix College
Narrador
Narrador

Número de Posts : 154

Ficha do Bruxo
Grupo: Narradores
Curso: Nenhum
Período: Nenhum

Ver perfil do usuário http://faculdadephoenix.forumeiro.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum